domingo, 29 de setembro de 2013

Parabéns,Vitória !!



                                       Hoje é o seu dia , que dia mais feliz, 
tão esperado e contado nos dedos!! 
Assim você diz: primeiro é papai,
depois tio Neto, depois vovô,
depois tio João, e agora EU.
Vovó e mamãe fica pra depois.
E foi assim que você curtiu 
a chegada dos seus 8 aninhos,
comemorado no sítio do vovô
rodeada de amiguinhos e familiares.
F E L I C I D A D E S !!






E crescia Jesus em sabedoria , em estatura, e em graça para com Deus e os homens.(Lc 2:52) 

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Vovó ama ...



Minha netinha Vitória brincando de fazer "arte".
Foi num dia de chuva ... sem ter como brincar no quintal do sítio, minha netinha sentou-se à mesa com a vovó que estava rodeada de papéis e deixou a imaginação fluir, e uma linda aquarela começou a surgir.

Casamento de Thaís



 
A manhã desta última sexta-feira (20) foi especial para o casal Thaís e Maurício, que contaram com a presença de familiares na bela e singela cerimônia de casamento. Amar é assim ... querer bem um ao outro. Aos noivos meus parabéns pelo cumprimento do sacramento. FELICIDADES!!

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Vovó ama ...

Como é bom a criança ter em mente que cuidar e manter o Meio  Ambiente, a Terra, em harmonia com a pessoas, traz benefícios para todos.


domingo, 22 de setembro de 2013

V Festival Aberto de Poesia Falada de São Fidélis


FINAL

1º Lugar - VASSOURA DE OUTONO – Ademir Martins - Macaé-RJ

2º Lugar - FLOR DO DESERTO – Edelson Rodrigues Nascimento – Brasília-DF

3º Lugar - O INFERNO CRONOLÓGICO DO POETA  – Tanússi Cardoso – Rio de Janeiro-RJ

Melhor Intérprete - THIAGO - São Fidélis

Menção Honrosa - VASSOURA DE OUTONO

(fonte youtube - www.sfnews.jor.br)


VASSOURA DE OUTONO
 

Pende frontalmente esse tronco
de mulher varrendo o outono
da calçada.

- Uma cerimônia de décadas...
Sabe-se lá quantas nervuras, outrora verdes,
já – secas – flutuaram seus corpos em coreografias,
dos ramos às fibras de seu fiel instrumento...
(diário, permanente, sacro rito doméstico.)

Duas tetas, estreladas,
choram no côncavo peito,
murchas de idos filhos
- longes filhos... -
desmamados... para onde?...
(Felizes os rebentos... seriam?
Teriam completado os estudos?... Formaram-se doutores?...
Casaram-se?...
E os netinhos... tão lindos... tão sonhados!...)

O que poderia saber sobre ela,
eu, que somente passei meu caminho
diante da firme carícia da piaçava no cimento?
Mais adiante, a boca de lobo, em silêncio, agradece:
- “Água há de passar sem que eu engasgue.”
(sem que o quarteirão se entupa, se desespere de enchentes,
se afogue...)

Uma sensação (minha ou dela?)
de que, se larga a ferramenta,
espatifa-se a face no chão.
Mas ela não larga: prossegue, sustenta,
determinada, a higiene da fachada.
(Tudo precisa ser limpo – tudo na vida!...)

Quem estaria à sua mesa no próximo domingo?
Frango, maionese, macarronada,
serena mousse de maracujá, as peras merengadas, aprendidas na TV...
- ... tantos sabores!... –
- para que bocas?...
E tem mais:
haveria o próximo domingo?...

Sua mão esquerda é mais triste:
duas alianças.
- ouro funde-se em ouro
de eternas bodas de mel,
na mística, alquímica joalheira,
de aqui e do além: um só largo anel!
- um homem é ressuscitado
diuturnamente em seu apenas dedo
anular esquerdo!

Ah, como passam as estações
sem dar conta alguma de sua irredutível vassoura!
E como – com que dor!... –
seus olhos acusam o vento e a beleza das árvores
diante da casa!...

(Ademir Martins)

V Festival Aberto de Poesia Falada de São Fidélis


 Primeiro Dia

MARIA

Maria desce a serra
De mãos vazias, calejadas
Caminha ... caminha ... caminha ...
Buscando ajuda na cidade
Confiando em Deus e em mais nada.

Sua trilha é certeira
Que a vida lhe impôs a cumprir
Mulher forte e valente
Feito árvore imbuzeiro.

Comendo o pó da estrada
Vencendo a luta e o cansaço
Ela chega sorridente
Conquistando muita gente.

Humilde pedinte
Nas portas das casas
Pedindo esmola
Para encher a sacola.

Maria,
O teu nome é Laudelina
Você tem identidade
Neste mundo vem vivendo
Sofrendo a desigualdade.

Maria sobe a serra
De mãos cheias, carregadas
Caminha ... caminha ... caminha ...
Chegando em casa a noitinha
Depois do canto da cigarra.


MENINO DE RUA

Sou largado no mundo
Vivo debandando de lugar
Rua , praça, calçada, ou ponte
Num espaço qualquer a ocupar.

Sou um trapo esfarrapado em órbita
Vivo a vagar, desamparado
A Família, a sociedade, a escola
Fizeram de mim um desprezado.

Sou um espaço de tempo
Vivo entre a vida e a morte
Meu quarto não tem quatro paredes
Nem janelas, nem portas da sorte.

Comida? - são migalhas da hora.
Brincar? - não sou mais criança.
Estudar? - esqueceram de me cativar.
Dinheiro? - não preciso disso.
Aniversário? - não sei nem quando eu nasci.
Cigarro? - a fumaça da desgraça.
Relógio? - Pra quê, tenho todo o tempo do mundo.
Dançar? - só na chuva ou na lama.
Amor? - só se for de um cristão.
Deus? - existe, estou vivo!
Dormir? - cubro-me com um manto, que um santo me deu.
. . . eu só quero colo
a família.

Morada da Poesia

Dizem que certa vez
a poesia saiu a procura
de cidade em cidade
uma delas pra morar

Chegando aqui um dia
encontrando a porta aberta
sem fazer nenhum barulho
pernoitou pra descansar

Sonhou com um grande banquete
regado a inspiração
sentiu-se no palacete
e na sagrada comunhão

Acordando bem disposta
vendo grande mesa posta
de poetas, escritores
artistas e trovadores

Sentiu-se bem à vontade
fartou-se de felicidade!
Disse para a vaidade:
- escolhi aqui morar.

(Berenice Seixas)

* "Morada da Poesia" - intérprete Celso Maia - foi pra Final
* "Maria" intérprete - Camile Santos
* "Menino de Rua" intérprete - Manoel Henrique Valente
(fonte vídeo: youtube - www.sfnews.jor.br)



Foram enviadas à Secretaria de Cultura e Turismo de São Fidélis 183 poesias, sendo selecionadas 35, onde 20 são de poetas de cidades e estados diferentes e 15 de poetas fidelenses. 
Lista dos Poemas classificados:
“O MEU RETORNO” – Josafá Sobreira da Silva – Jacarepaguá- RJ
“EXAMINANDO FOTOGRAFIAS” – Flávio Rubens Machado de Queiroz – Cabo Frio- RJ
“DOR DE ROSA” – Luiz Alfredo Santos – Belo Horizonte-MG
“O ÚLTIMO ENTARDECER DE JULHO” – Luiz Alfredo Santos – Belo Horizonte-MG
“PARADEIRO” – Luiz Alfredo Santos – Belo Horizonte-MG
“CAIXA DE COSTURA” – Eder Rodrigues – Pouso Alegre-MG/Campeão do festival em 2012
“VELEIRO” – Eder Rodrigues – Pouso Alegre-MG
“POEMA” – Eder Rodrigues – Pouso Alegre-MG
“FLOR DO DESERTO” – Edelson Rodrigues Nascimento – Brasília-DF
“DEFEITO” – Mariana Alcântara Vetromille – Campos dos Goytacazes-RJ
“CRUEZA” – Jorge da Rocha Ventura – Campinho-RJ
“CIDADE POEMA” – Laérson Quaresma de Moraes – Campinas-SP
“O GESTO INCONSULTIL” – Tanússi Cardoso – Rio de Janeiro-RJ
“O INFERNO CRONOLÓGICO DO POETA” – Tanússi Cardoso – Rio de Janeiro-RJ
“SOBRE O AMOR” – Tanússi Cardoso – Rio de Janeiro-RJ
“A Gruta” – Admir Martins – Macaé-RJ
“MOVIMENTO DO ESPELHO” – Admir Martins – Macaé-RJ
“VASSOURA DE OUTONO” – Admir Martins – Macaé-RJ
“VISTA-SE DE POESIAS” – Oscar Batista Lima – Macaé-RJ
“PASSEIO NO PARQUE” – Oscar Batista Lima – Macaé-RJ
“LABIRINTOS” – Orlando de Poli Junior – Vila dos Coroados/S.Fidélis
“CCOMO É BOM SER CRIANÇA” – José Moreira – Penha/ S.Fidélis
“A VOZ DE UM OLHAR” – Jaqueline dos Santos Pontes – Centro/S.Fidélis
“MENINO DE RUA” – Berenice Seixas Alves – Centro/ S.Fidélis
“MARIA” – Berenice Seixas Alves – Centro/S.Fidélis
“MORADA DA POESIA” – Berenice Seixas Alves – Centro/ S.Fidélis
“CONTRADIÇÕES” – Josélia de Fátima Silva Ribeiro – Centro/S.Fidélis
“FASES” – Josélia de Fátima Silva Ribeiro – Centro/ S.Fidélis
“CAÇADOR DE ARCO ÍRIS” – Carlos Rodrigues – Vila dos Coroados/S.Fidélis 
“PALAVRAS EM OLHARES” – Carlos Rodrigues – Vila dos Coroados/S.Fidélis
“VITRAIS” – Geraldo Evangelista – Centro/S.Fidélis
“RESSUREIÇÃO” – Geraldo Evangelista – Centro/S.Fidélis
“MULHERES” – Geraldo Evangelista – Centro/S.Fidélis
“CAPITOLINA” – Carla Mangueira Gonçalves – Ipuca/ S.Fidélis
“TALVEZ,SE ..." – Carla Mangueira Gonçalves – Ipuca/S.Fidélis

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Parabéns,Rene Marcos!!

Querido afilhado, já passando pra maior idade, te desejo felicidades! Que o Senhor te abençoe te proteja e te guarde.Continue sendo este filho adorável e amigo. O bolo estava uma delícia - Márcia, o cachorro quente também - Edinho, e o abraço no filhote foi caloroso- Fafá. Qualquer coisa pode contar comigo,tá. Segue um poema pra você.
***
Na lanchonete, a garota na outra mesa sorri.
O rapaz na mesa em frente sorri também.
Dois jovens encantadores. 
Um momento lindo?

Não sorriem um para o outro. 
Sorriem olhando para seus tablets.

Sorriem para quem está a quilômetros de distância,
e sequer imaginam a felicidade que poderia ser
se sorrissem um para o outro..

(Augusto Branco).

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Sintetizando ...


A vida se mostra
se despe
descortina tudo
nos deixando 
com gosto de vida
se despede

(berenice)

Parabéns,Camili e Manoela !!

O niver destas duas fofuras, foi tudo de bom! A mamãe, a vovó e o papai prepararam tudo com muito carinho. E a criançada se esbaldou de tanto brincar. (6 e 7 aninhos)

Leilão de Jardim

Quem me compra um jardim com flores?
Borboletas de muitas cores,
lavadeiras e passarinhos,
ovos verdes e azuis nos ninhos?

Quem me compra este caracol?
Quem me compra um raio de sol?
Um lagarto entre o muro e a hera,
uma estátua da Primavera?

Quem me compra este formigueiro?
E este sapo, que é jardineiro?
E a cigarra e a sua canção?
E o grilinho dentro do chão?

(Este é o meu leilão.)
(Cecília Meireles)

Parabéns,João Pedro!!


Mesmo sem nada programado e bolinho de última hora, não deixamos de cantar o "Parabéns" pra você João Pedro. Aliás "Parabéns"em dose dupla (Camili e Manoela). A platéia cercada de flamenguistas, botafoguenses e tricolores tiveram que render  honras ao apaixonado vascaíno. E ele rodeado de lindas meninas fez a festa! Brincou, correu, pulou, jogou bola, e subiu até no morro. A farra foi  boa! Mas à você João Pedro te desejamos tudo de bom e que sinta-se sempre feliz em nosso meio. Felicidades!!
"Confie no Senhor de todo o seu coração.


O relógio

Passa, tempo, tic-tac
Tic-tac, passa, hora
Chega logo, tic-tac
Tic-tac, e vai-te embora
Passa, tempo
Bem depressa
Não atrasa
Não demora
Que já estou
Muito cansado
Já perdi
Toda a alegria
De fazer
Meu tic-tac
Dia e noite
Noite e dia
Tic-tac
Tic-tac
Tic-tac . . 

(Vinicius de Moraes)

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Homenagem "Pedro Emílio" / "Índio"


MADRUGADA

Dois cigarros acesos no silêncio da madrugada:
- o meu e o teu cigarro.
Uma tragada um beijo, um beijo e uma tragada…
Teu braço é o meu travesseiro quente e macio:
- dois pássaros que a tempestade da noite separa
E se juntam em manhã dourada de estio.
Preciso partir! Antes que eu diga mais nada
Prendes-me nos braços e entre beijos e abraços
Pede-me para ficar.
E, num delírio louco de amor, começas a falar:
- Não, não vá embora! Deixa que o sol desponte
E os pássaros comecem a cantar lá fora.
Deixa que a névoa adormecida no colo azul
Das montanhas distantes desapareça
Ao toque sutil da aurora.
- Que será do resto da manhã se te fores?
Não vês que ficarei sozinha morrendo de amores?
Esquece a vida, querido, e me entregue a luz do teu olhar
Num sonho eterno e perdido…
Somente, agora, o sol debruça em nossa janela
Com ar de malícia, vem nos dar bom dia
Louvar nosso amor nessa manhã tão bela:
- Esquece a vida, querido, e me entregue a luz do teu olhar
Num sonho eterno e perdido…
- O que será do resto do dia se te fores?
Não vês que ficarei sozinha morrendo de amores?
Esquece a vida, querido, e me entregue a luz do teu olhar
Num sonho eterno e perdido…
- O que será do resto da tarde se te fores?
Não vês que ficarei sozinha morrendo de amores?
Esquece a vida, querido, e me entregue a luz do teu olhar
Num sonho eterno e perdido…
- Deixe que a tarde caia serena a encher de sombras
e odores os caminhos por onde há de passar sozinha:
- Esquece a vida, querido, e me entregue a luz do teu olhar
Num sonho eterno e perdido…
Somente agora a Lua vem nascer
Como um pintor em fina tela
Imagens vem tecendo…
Dois cigarros acesos no silêncio da madrugada:
- o meu e o teu cigarro…

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Tudo AZUL ...

Já passei pelo verde, roxo, agora estou no ano azul.Tudo que vejo e gosto é azul. Por que será hein!? Para o próximo ano a cor já está chegando, vem por intuição, qual será? Aguardem!

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Parabéns, Luiz Miguel !

Domingo (08) teve festa na casa da vovó Márcia, aniversário de seu netinho Luiz Miguel. Família reunida, alegria dobrada. Foi tudo de bom! A vovó mostrou suas habilidades artísticas na "Fazendinha de Luiz Miguel", que foi montada com todo carinho para comemorar os seus 3 aninhos. Felicidades ! Que Deus te abençoe !

... e a família continua aumentando

terça-feira, 10 de setembro de 2013

Provérbios

Livro de Provérbios

É um dos livros do Antigo Testamento. Conforme declara sua introdução, tem como propósito ensinar a alcançar sabedoria, a disciplina e uma vida prudente e a fazer o que é correto, justo e digno. Em suma, ensina a aplicar e fornecer instrução moral.

É um livro poético, onde algumas de suas partes são atribuídas a Salomão, filho de Davi, rei de Israel, e outras, a pessoas ou autores diferentes, o que dá a perceber que o sábio rei não é autor de tudo que nele se contém.

São palavras de inteligência que valoriza não só a cultura popular, mas também, e principalmente, a percepção religiosa que o povo tem de uma sabedoria que vem de Deus.

Provérbio é uma frase curta, bem construída, que expressa uma verdade adquirida através da experiência  que o povo tem da vida, e sua finalidade é instruir, esclarecendo situações de perplexidade e fornecendo orientações para a vida humana.

O livro dos provérbios tem um grande tom paternal, todo ao estilo de um diálogo (ou monólogo) de um pai falando a seu próprio filho, ensinando e aconselhando pacífica e amigavelmente. Em muitos momentos dos primeiros 9 capítulos do livro há os clamores e súplicas da própria sabedoria chamando todos para o despertar da razão de obedecer a Deus em temor e respeito. Nos demais capítulos há muitos contrastes de causa e consequência como resultado das boas e más escolhas da conduta humana.
(fonte:net)

domingo, 8 de setembro de 2013

Provérbios do meu dia a dia ...


1- O temor do Senhor é o princípio de toda sabedoria. 
Filho meu, ouve o ensino de teu pai e não deixes a instrução de tua mãe. 

2-Porquanto a sabedoria entrará no teu coração, e o conhecimento será agradável à tua alma.

3- Filho meu, não te esqueças dos meus ensinos, e o teu coração guarde os meus mandamentos; porque eles aumentarão os teus dias e te acrescentarão anos de vida e paz.
 Confia no Senhor de todo o teu coração e não te estribes (=apoiar) no teu próprio entendimento.
Reconhece o Senhor em todos os teus caminhos, e ele endireitará as tuas veredas.
Não sejas sábio aos teus próprios olhos; teme ao senhor e aparta-te do mal; será isto saúde para o teu corpo e refrigério, para os teus ossos.
Honra ao senhor com os teus bens e com as primícias de toda a tua renda; e se encherão fartamente os teus celeiros, e transbordarão de vinho os teus lagares.
Filho meu, não rejeites a disciplina do Senhor.
Porque o Senhor repreende a quem ama, assim como o pai, ao filho a quem quer bem.

4- Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o coração, porque dele procedem as fontes da vida.

5- Bebe a água da tua cisterna, e das correntes do teu poço.

6- Estas seis coisas aborrece o Senhor, e a sétima a sua alma abomina: Olhos altivos, língua mentirosa, e mãos que derramam sangue inocente; coração que maquina pensamentos viciosos, pés que se apressam a correr para o mal; Testemunha falsa que profere mentiras, e o que semeia contendas entre irmãos.

7-Filho meu, guarda os meus mandamentos, e vive, e a minha lei, como a menina dos teus olhos.
Ata-os aos teus dedos, escreve-os na tabua do teu coração.

8- Eu amo aos que me amam, e os que de madrugada me buscam me acharão.

9-Dá instrução ao sábio, e ele se fará mais sábio ainda; ensina ao justo, e ele crescerá em prudência.

10-A benção do Senhor é que enriquece, e não acrescenta dores.

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Salmos

SALMOS 
Através dos Salmos, o crente fiel aproxima-se de Deus, louvando e glorificando-lhe o santo nome, e adentrando ao trono da graça.
Não há livro na Bíblia que atraia mais as pessoas que os Salmos. Embora escritos como hinário oficial de Israel, os Salmos alcançam a todos os povos com sua mensagem de louvor, de adoração, de gratidão, de esperança e de salvação.

TÍTULOS E NOMES
A palavra Salmos tem origem na tradução do Antigo Testamento hebreu para o grego,no ano 200 a.C. feita por 70 sábios - a Septuaginta. Nesta versão, os Salmos recebem o título de Psalmói; cânticos entoados com o acompanhamento de instrumentos de cordas.
A Vulgata, tradução latina da Bíblia feita por Jerônimo, denominou os Salmos de Liber Salmorum.
No hebraico, o termo que corresponde a Salmos é Tehillim; Louvores ou Cânticos de Louvor.
O livro de Salmos também é chamado de Saltério. Este termo vem da palavra grega Psâlterion. É o nome de um instrumento musical que, no Antigo Testamento, já era bem conhecido.

DATAS E AUTORIA
Os Salmos segundo os estudiosos, foram escritos no período que vai de 1500 a 450 a.C.Ou seja: durante mil anos aproximadamente.
Diversos foram os autores dos Salmos, o mais destacado foi Davi rei de Israel, chamado apropriadamente de "o suave em salmos de Israel (2Sm23:1). Os salmistas , cujos nomes são mencionados na Bíblia, são os seguintes:
DAVI: escreveu 73 salmos (quase a metade do saltério);
ASAFE: escreveu 12 salmos (50; 73-83)
FILHOS DE CORÉ: 11 salmos ( 42-49; 84-85; 87-88)
SALOMÃO: escreveu 2 salmos (72; 127)
MOISÉS: escreveu 1 salmo (90)
ETÃ; escreveu 1 salmo (89)
Mais de 50 salmos foram escritos por autores desconhecidos.

DIVISÃO DE LIVROS
Os 150 salmos são organizados didaticamente em cinco livros. cada um desdes livros termina com uma doxologia, ou "enunciação de louvor e invocação a Deus".
Livro I - do Salmo 1 ao 41     Livro II - do Salmo 42 ao 72
Livro III - do Salmo 73 ao 89     Livro IV - do Salmo 90 ao 106
Livro V - do Salmo 107 ao 150

CLASSIFICAÇÃO DOS SALMOS
*Cânticos de Aleluia ou de Louvores  Sl 8, 34, 103, 115, 145,150
(Engrandecem o nome, a bondade, a grandeza, a majestade e a salvação de Deus) 
 *Cânticos de Ação de Graças Sl 18, 34, 100, 126, 138
(Reconhecem o socorro e o livramento divinos)
*Salmos de Oração e Súplicas Sl 3, 6, 54, 90, 141, 143
(Incluem lamentos e petições diante de Deus)
*Salmos Penitenciais Sl 32, 38, 51, 130
(Tratam da confissão de pecados)
*Cânticos da História da Bíblia Sl 78, 105, 108, 126, 137
(Narram como Deus se relacionou com Israel ao longo de sua história)
*Salmos da Majestade Divina Sl 24, 47, 93, 96
(Declaram a soberania de Deus)
* Cânticos Litúrgicos Sl 15, 24, 45, 68
Usados em eventos ou festas especiais em Israel
* Salmos de Confiança e Devoção Sl 11, 16, 23, 27, 40, 46, 131,139
((Expressam confiança e devoção a Deus)
*Cânticos de Romagem Sl 43, 46, 48, 76, 84, 120, 134
( Eram entoados pelos peregrinos, a caminho de Jerusalém, para celebrarem as festas anuais)
*Cânticos da Criação SL 8, 19, 33, 65, 104
(Referem-se ao poder criador de deus e suas obras)
* Salmos Sapienciais e Didáticos Sl 34, 37, 112, 119, 133
(Revelam a sabedoria de Deus)
*Salmos Régios ou Messiânicos Sl 2, 16, 22, 41, 72, 102, 110, 118)
(Descrevem certas experiências dos reis Davi e Salomão, com significado profético, prefigurando a vinda do Messias)
*Salmos Imprecatórios Sl 7, 35, 58, 59, 109, 137
(Invocam maldição, ou vingança, sobre os inimigos de Deus e de seu povo.)

CARACTERÍSTICAS DOS SALMOS
A poesia hebraica não tem rima e pouco se preocupa com a métrica.
Quanto ao ritmo, trata-se da repetição harmoniosa dos sons. Quando lemos:"Louvai ao Senhor, porque ele é bom; porque a sua benignidade é para sempre. Louvai ao Deus dos deuses, porque a sua benignidade é para sempre", percebemos o subir e o descer da voz, numa harmonia bem característica.
Quanto ao paralelismo a ideia é apresentada pelo salmista, e, em seguida, é repetida, gerando um contraste.Ocorre quando a segunda linha do Salmo repete a primeira com palavras um pouco diferente."Antes, tem o seu prazer na lei do senhor e na sua lei medita de dia e de noite." "Porque o Senhor conhece o caminho dos justos mas o caminho dos ímpios perecerá."

CONCLUSÃO
Os Salmos são excelentes recursos para oração.Muitas vezes, sem o percebermos, passamos a nos dirigir a Deus em orações rotineiras e repetitivas. fazendo uso dos Salmos, aplicando-os às nossas necessidades, podemos orar de modo significativo, sob a unção do Espírito Santo que, em última instância, é o inspirador e autor-maior dos Salmos. (fonte: revista "Lições Bíblicas"-1997)

***
Salmos é o maior livro de toda Bíblia e constitui-se de 150 cânticos e poemas que são o coração do Antigo Testamento.
Os Salmos foram escritos em hebraico, depois traduzidos para o grego e latim.
O livro dos Salmos não é uma história com começo, meio e fim.
São vários Salmos que numerados chegam a 150.
Cada Salmo possui seus versículos próprios.
Então o correto é dizer:
Vamos ler o Salmo de nº 136, versículo 9 ou vamos ler o Salmo 136, verso 9.
Na verdade, por ser um livro poético, o Salmos não tem capítulos. Afinal, poesias não tem capítulos.
Sendo assim, em vez de dizer "Capítulo 32" é usual  dizer "Salmo 32".
Mas isso não muda em nada o poder da Palavra.


(fonte: net)

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Salmos do meu dia a dia ...


30/09-Dá-nos auxílio na angústia porque vão é o socorro do homem.(Sl60)

29/09-A ti, ó fortaleza minha, cantarei louvores; porque Deus é a minha defesa, é o Deus da minha misericórdia.(Sl59)


28/09-Na verdade, há recompensa para o justo; há um Deus, com efeito, que julga a terra.(Sl58)

27/09-Clamarei ao Deus Altíssimo, ao Deus que por mim tudo executa.(Sl57)


26/09-Deus é por mim.(Sl56)


25/09-Confia os teus cuidados ao Senhor, e ele te susterá.(Sl55)


24/09-Eis que Deus é o meu ajudador, o Senhor é quem sustenta a vida.(Sl54)


23/09-Do céu, olha Deus para os filhos dos homens, para ver se há quem entenda, se há quem busque a deus.(Sl53)


22/09-Confio na misericórdia de Deus para todo o sempre.(Sl52)


21/09-Sacrifícios agradáveis a Deus são o espírito quebrantado.(Sl51)


20/09-Invoca-me no dia da angústia; eu te livrarei, e tu me glorificarás.(Sl50)


19/09-O homem, revestido de honrarias, mas sem estendimento, é, antes, como os animais, que perecem.(Sl49)

18/09- Grande é o Senhor e mui digno de louvor.(Sl48)



17/09-Aplaudí com as mãos, todos os povos; cantai a Deus com voz de triunfo.(Sl47)

16/09-Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia.(Sl46)

15/09-O teu trono, ó Deus, é para todo o sempre.(Sl45)


14/09-Em Deus nos gloriamos todo o dia, e louvamos o teu nome eternamente.(Sl44)

13/09-Faze-me justiça, ó Deus.(Sl43)

12/09-Um abismo chama outro abismo.(Sl42)



11/09-Bem-aventurado o que acode ao necessitado; o senhor o livro no dia do mal.(Sl41)

10/09- São muitas, Senhor, Deus meu, as maravilhas que tens operado e também os teus designos para conosco; ninguém há que se possa igualar contigo.(Sl40)

09/09-Na verdade, todo o homem anda como uma sombra; em vão se inquieta; amontoam riquezas, e não sabem quem as levará.Todo homem é pura vaidade.(Sl39)


08/09-Porque em ti, Senhor, espero; tu, Senhor meu Deus, me ouvirás.(Sl38)


07/09-Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará. (Sl37)


06/09-Quão preciosa é, ó Deus, a tua benigdade, e por isso os filhos dos homens se abrigam à sombra das tuas asas. (Sl36)



05/09-Os ímpios não falam de paz, antes projetam enganar os quietos da terra.(Sl35)

04/09- O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra.(Sl34)

03/09-Eis que os olhos do Senhor estão sobre os que o temem.(Sl33)

02/09-Tu és o meu esconderijo; tu me preservas da tribulação e me cercas de alegres cantos de livramento.(Sl32)


01/09-Senhor, tu és a minha rocha e a minha fortaleza; por amor do teu nome, conduze-me e guie-me.(Sl31)


31/08-Esforçai-vos, e ele fortalecerá o vosso coração, vós todos que esperais no SEnhor.(Sl31)


30/08-O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.(Sl30)


29/08-Ouve-se a voz de Deus na tempestade, o Senhor está sobre as muitas águas.(Sl29)

28/08- O Senhor é a minha força e o meu escudo; nele confiou o meu coração, e fui socorrido.((Sl28)


27/08- Uma coisa pedi ao Senhor, e a busc é o reinoarei: que possa morar na casa do Senhor todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do Senhor, e aprender no seu templo.(Sl26)


26/08-O meu pé está posto em caminho plano; nas congregações louvarei ao Senhor.


25/08- Não te lembres dos pecados da minha mocidade, nem das minhas transgressões;mas, segundo a tua misericórdia, lembra-te de mim, por tua bondade, Senhor.(Sl25)



24/08- Quem subirá ao monte do Senhor, ou quem estará no seu lugar santo? Aquele que é limpo de mãos e puro de coração; que não entrega a sua alma à vaidade, nem jura enganosamente.(Sl24)

23/08-Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam.(Sl23)


22/08-Pois do Senhor é o reino, é ele quem governa as nações.(Sl22)


21/08-Exalta-te, Senhor, na tua força; então cantaremos e louvaremos o teu poder.(Sl21)

20/08-Uns confiam em carros e outros em cavalos, mas nós faremos menção ao nome do Senhor nosso Deus.(Sl20)

19/08-A lei do Senhor é perfeita, e refrigera a alma; o testemunho do Senhor é fiel, e dá sabedoria aos simplices.

18/08-O Senhor é o meu rochedo, e o meu lugar forte, e o meu libertador; o meu Deus, a minha fortaleza, o meu escudo, a força da minha salvação, e o meu alto refúgio.(Sl18)

17/08-Direge os meus passos nos teus caminhos, para que as minhas pegadas não vacilem.(Sl17)

16/08-Tenho posto o Senhor continuamente diante de mim; por isso que ele está á minha mão direita, nunca vacilarei.(Sl16)

15/08-Senhor, quem habitará no teu tabernáculo? quem morará no teu santo monte? (Sl15)

14/08-Disse o néscio no seu coração:Não há Deus.

13/08-Cantarei ao Senhor, porquanto me tem feito muito bem.(Sl13)

12/08-As palavras do Senhor são palavras puras, como prata refinada em forno de barro, purificada sete vezes.(Sl12)

11/08-Porque o Senhor é justo, e ama a justiça; o seu rosto está voltado para os retos.(Sl11)

10/08-Senhor, tu ouvistes os desejos dos mansos; confortarás os seus corações, os teus ouvidos estarão abertos para eles.(Sl10)

09/08-Em ti confiaram os que conhecem o teu nome; porque tu, senhor, nunca desamparaste os que te buscam.(Sl09)

08/08-Ó Senhor, senhor nosso, quão magnífico em toda a terra é o teu nome.(Sl08)

07/08-Deus é justo juiz.(Sl07)

06/08-Pois, na morte, não há recordação de ti; no sepulcro, quem te dará louvor?

05/08-Porém eu, pela riqueza da tua misericórdia, entrarei na tua casa e me prostrarei diante do teu santo templo, no teu temor.(Sl05)

04/08-Em paz me deitarei e dormirei, porque só tu, Senhor, me fazes habitar em segurança.(Sl04)

03/08-Eu me deitei e dormi; acordei, porque o Senhor me sustentou.(Sl03)

02/08-Beijai o Filho para que se não irrite, e não pereçais no caminho.(Sl02)

01/08-Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.(Sl01)